Top

Natal – RN

Descubra as maravilhas de Natal-RN, que você não pode perder!

O Rio Grande do Norte é um estado lindo, e sua capital Natal, é a segunda menor do Brasil, mas apesar de pequena em território a cidade é grande em cultura, pontos turísticos únicos e passeios imperdíveis! Natal é o tipo de local que tem muitas coisas para fazer tanto se você for sozinho, com amigos ou família, e neste artigo fizemos um roteiro com as mais belas praias e outras atrações dessa linda cidade! Tudo isso pensando em sua próxima viagem. Acompanhe!

Quando ir?

O sol brilha o ano inteiro, mas o calor é amenizado pelos fortes ventos. Evite do período de abril a julho, que é quando as chuvas aparecem. De agosto ao início de novembro o tempo está ótimo, e os preços melhores. Já nas férias de fim de ano, fica tudo um pouco mais caro, porém o agito é garantido, inclusive com o “Carnatal”, o maior carnaval fora de época do Brasil!

Como chegar?

Chegar a Natal não tem segredo: de avião você chegará ao aeroporto Augusto Severo, que fica a meia hora dos hotéis de Ponta Negra, na região metropolitana. No aeroporto os táxis cobram uma média de R$50 até lá, ou você pode pegar um ônibus até o Shopping Natal, e outro dali à Ponta Negra. O acesso de carro é pela BR-101, ou para quem vem de Fortaleza pela CE-040. De ônibus procure as empresas Itapemirim e São Geraldo.

Melhor região para se hospedar

Em se tratando de hospedagem, os melhores lugares são na Ponta Negra mesmo, devido a todos os benefícios já citados anteriormente, e outra boa opção de hospedagem são os hotéis da via costeira. Importante fazer reservas antes, independente se vai sozinho ou em grupo!

10 Principais pontos turísticos

Ponta Negra e Morro do Careca

A principal opção de lazer é Ponta Negra, uma badalada praia e um ponto turístico que abriga a outro mais famoso: o Morro do Careca, uma duna de 120 metros de altura cercada por vegetação, que ao olhar de longe parece ser a cabeça de uma pessoa calva. Para preservação da duna, foi proibida a visitação, mas vale a pena apreciar esse monumento natural e tirar algumas fotos.
Informe-se no hotel sobre a maré alta, pois dependendo do horário a faixa de areia é coberta de água e a praia “some”. No geral o mar é bom para banho, na areia tem quiosques, aluguel de barracas, e quando o sol se põe ótimos hotéis, bares e restaurantes proporcionam uma vida noturna agitada à beira mar.

Praia Genipabu

Um terceiro ponto turístico é a praia de Genipabu, provavelmente o lugar mais famoso de Natal, devido aos passeios de buggy nas dunas. O motorista pergunta se o turista quer o passeio “com ou sem emoção”, a primeira opção, com certeza, confere uma indescritível sensação de liberdade pelas dunas, fora aquele famoso “frio na barriga”!! Bora se aventurar!

Centro histórico

O quarto local turístico importante e badalado é em Pipa, localiza-se a 80 km de Natal. Pipa, além de possuir uma linda praia cercada por falésias, tem muitas opções à noite.

Forte três reis magos

Infelizmente têm locais como o Forte dos Três Reis Magos, que já foi um ponto turístico importante, mas não valem mais a pena ser visitados, pois o que se encontra agora é uma estrutura abandonada precisando de reformas.

Parque das dunas

Para os amantes da natureza, vale a pena fazer uma das dezesseis trilhas do Parque das Dunas, uma área de reserva de 1.172 hectares de Mata Atlântica, que já foi eleito um dos melhores parques da América do Sul.

Praia dos Artistas

A Praia dos Artistas é um ponto turístico central, com piscinas cristalinas na maré baixa. É muito popular durante o ano inteiro, de dia e de noite, mas como tem apenas prédios de luxo ao redor, os donos das barraquinhas cobram meio caro.

Barreira do Inferno

A doze quilômetros de Natal está Parnamirim, uma cidade onde fica a base aérea das Forças Aeronáuticas Barreira do Inferno, o nome foi dado devido às falésias das dunas existentes ao redor do local, que no fim do dia recebem os últimos raios de sol avermelhados como fogo.
As visitas devem ser agendadas, mas vale a pena ver o rico acervo histórico da força aeronáutica brasileira! Ali também tem um Projeto Tamar e um vilarejo conhecido por ter um comércio interessante de frutas nativas e exóticas, chamado Piauim.

Igreja Matriz

Outro ponto turístico calmo, porém revigorante, é a Igreja Matriz de Natal, no bairro Cidade Alta.

Onde Comer?

Com esse turismo intenso, nada melhor do que comer coisas gostosas para repor as energias, certo?! Vale muito a pena conferir a culinária nordestina, como pratos com frutos do mar, ou outros como buchada e baião de dois por exemplo.

Camarão Potiguar

Uma das dicas é o restaurante Camarão Potiguar, que serve trinta diferentes receitas de camarão, não tem como nenhuma agradar! É divino!!

Tábua de carne

Já a melhor carne de sol da cidade você vai encontrar no famoso “Tábua de carne”, um dos mais populares de Natal!

Mangai

Para quem quiser um local mais sofisticado, tem o Mangai, com um dos melhores buffets da região!

Mercado da Redinha

Vale a pena conferir alguns produtos das barraquinhas de rua, como a famosa “ginga com tapioca”, que na verdade é o peixe manjubinha combinado com a tradicional tapioca numa mistura deliciosa, Mercado da Redinha é uma boa opção.

Pizzaria Siciliana

Para quem procura algo mais comum como pizza, uma dica gostosa e de preço médio, é a Pizzaria Siciliana.

Passeios imperdíveis

Pirangi e o maior cajueiro do mundo

Existem alguns lugares em Natal que você não pode deixar de ir, além das praias já citadas, tem um local não tão agitado, mas que vale muito a pena é na praia de Pirangi, local onde está o maior cajueiro do mundo! Ao chegar você literalmente se depara com uma área de uns dois quarteirões que está ocupada inteira por um indivíduo apenas de cajueiro, o maior do mundo! Tem um deck onde as pessoas podem subir e ficar acima da sua enorme copa para tirar fotos, e na saída tem um suquinho de caju para finalizar o passeio. No verão essa praia é conhecida pelos vários shows, e mais ao norte atletas se aventuram em diversas práticas, principalmente o Windsurf.

Agito noturno

Para os que estão a procura de agito noturno tem dois lugares que não podem passar despercebidos: Taverna Pub e Forró Rastapé. Se você estiver sozinho na viagem, procure o forró, pois é um lugar muito interativo onde as pessoas dançam com desconhecidos, fazendo mais amigos.

Aerobunda em Jacumã

Outro passeio imperdível é o “aerobunda”, praticado na praia de Jacumã, a brincadeira se parece com uma tirolesa presa a uma cadeira. São tantas opções que o ideal seria ficar ao menos durante uma semana para aproveitar por completo esse lugar lindo!

0

post a comment